O lado bom da crise

Quem teve seus resultados profissionais estagnados ou pelos menos diminuídos por conta dessa crise na nossa economia? Como manter a auto estima elevada quando os negócios não vão tão bem ou quando nossos bônus não são exatamente aquilo que planejávamos?Em outras palavras, a crise leva os nossos resultados e a nossa confiança e segurança juntos.

high self esteemA sensação que tenho é que quando tudo vai bem e as coisas parecem dar certo, me sinto mega segura e confiante, às vezes, até a toda poderosa (a verdadeira Olivia Pope da série Scandal kkkk).

Mas aí, vem aquela fase amarga e que você se pergunta: para onde foi aquela pessoa super assertiva? Onde está aquela mulher que não tinha medo de desafios? E toda aquela fé e que faziam parecer que nada era impossível?

auto confiança

Eu era tão boa assim quando os resultados apareceram e tão ruim assim agora que nada acontece? Infelizmente, percebi que tendo a me avaliar segundo as métricas dos meus resultados profissionais, dando mais ênfase aos resultados negativos do que aos positivos. Mas, ao mergulhar nessa reflexão, percebi que não sou a única que funciono sob essa ótica. De forma velada, muitos ao meu redor classificam a si mesmos e as pessoas de acordo com o que elas conseguem produzir.

Ao deparar-me tão de perto com essa minha premissa, percebi que tinha que mudar e isso deveria ser imediato. Além de contrariar muitos dos meus princípios, essa premissa que, até então estava escondida, estava me deixando muito triste!

trabalhoE onde está realmente o nosso valor? Se não é no que produzimos? Se passamos mais de 70% do nosso tempo acordado trabalhando e pensando em como otimizar e melhorar os resultados, como não acreditar que nosso real valor está aí?

Honestamente, no mundo em que vivemos, é muito difícil colocar nosso valor em outro lugar.

Como inverter os impactos desse sistema, sem surtar, eu, sinceramente, não sei bem como fazer. Agora, tenho certeza que não posso permitir que meu valor fique enjaulado nessas métricas vazias! Como ser humano, feito sob a imagem e semelhança de Deus, vou lutar para convencer meu inconsciente que a minha grandeza vai além de qualquer sucesso profissional.

Nossa, gatas, esse foi profundo!! Mas e aí?? Ninguém se identifica?

Beijos

logo juju gaspar